O Portal “Fotos e Rumos” está em festa!

17 anos de existência!

Fotos e Rumos surgiu assim…

…da vontade de compartilhar histórias de viagens e fotografias.

Seu dia: 27 de julho – uma data, uma escolha, uma ideia, uma realização. Foi no ano 2000.

Rolou no Espaço de Eventos do Shopping Crystal em Curitiba. Foi lindo, foi bacana!

Apoio da InfoMatrix  (http://www.infomatrix.com.br) e seus funcionários altamente capacitados e muitos computadores de última geração.

O momento contou com a presença de amigos e colegas – fotógrafos, jornalistas, empresários, viajantes, mochileiros, artistas, músicos, cineastas… cerca de 200 pessoas – pequenos universos, com grandes valores – nos prestigiaram.

Houve muita integração e entretenimento. Teve vinho e acompanhamentos – brindes, canecas e camisetas… um “somzinho” legal tocou trilhas de filmes… e… entre taças e sorrisos… houve muitas fotos e muitos rumos… para muitos olhos…

Registro aqui a minha Gratidão!

Levis Litz
Fotos e Rumos
http://www.FotoseRumos.com

Curiosidade: a logo do Fotos foi inspirada numa fotografia que tirei de um filhote de lobo marinho em Cabo Polonio, Uruguai.

Anúncios

19 de Agosto de 2016 – 177 anos da fotografia

19 de agosto é o “Dia Mundial da Fotografia”. Os brasileiros também celebram o dia 8 de janeiro como o “Dia do Fotografo”.
 
A fotografia é uma das invenções mais extraordinárias da história da humanidade e que revolucionou a sociedade a partir de meados do século XIX, assim como a cultura, a economia, as arte e etc.
 
A homenagem é da invenção do daguerreótipo, o antecessor das câmeras fotográficas. Segundo registros, foi em 19 de agosto de 1839 que a Academia Francesa de Ciências anunciava mundialmente a nova invenção. Aparelho desenvolvido pelo francês Louis Daguerre, em 1837, graças aos estudos de Joseph Niépce, que havia criado a héliographie alguns anos antes.

Cópia de Levis Teotihuacan

Veja mais fotos em: www.facebook.com/fotoserumos


Canon apresenta lente com tecnologia ótica que utiliza material orgânico para corrigir aberração cromática

EF 35mm f/1.4l II USM é a primeira lente a apresentar a patente Blue Spectrum Refractive Optics, tecnologia que permite atingir níveis superiores de correção da aberração cromática

A capacidade de registrar momentos em fotografias cada vez mais detalhadas e com maior qualidade é uma das principais metas da Canon, líder em soluções de imagem digital. Justamente por isso, a empresa desenvolveu o Blue Spectrum Refractive Optics (BR Optics), uma nova tecnologia que proporciona níveis superiores de correção de aberrações cromáticas, resultando em desempenho de imagem excelente.

Essa propriedade está presente nas novas lentes EF 35mm f/1.4l II USM. Uma lente grande angular com distância focal fixa desenvolvida para câmeras EOS. Ela traz uma tecnologia ótica que utiliza material orgânico recentemente desenvolvido pela Canon para alcançar um nível mais alto de correção da aberração cromática do que outras tecnologias existentes, resultando em um desempenho de imagem excepcional.

“Somos líderes mundiais na produção de lentes intercambiáveis, tendo produzido mais de 110 milhões de lentes EF desde 1987. É com grande entusiasmo que trazemos uma nova tecnologia revolucionária para agregar à herança ótica da Canon”, conta Jun Otsuka, presidente da Canon Brasil.

O Blue Spectrum Refractive Optics incorpora um novo material orgânico com características de dispersão anômalas exclusivas para o uso em lentes de câmeras. O design molecular do BR Optics refrata a luz azul (espectro de comprimento de onda curta) a um grau superior se comparado com tecnologias existentes, incluindo os elementos UD, Super UD e Fluorita, que controlam a dispersão de cor da melhor forma possível. Quando colocado entre elementos de lentes convexas e côncavas, feitos a partir de materiais de vidro de óticas convencionais, o BR Optics ajuda a produzir imagens nítidas com excelente contraste e fidelidade de cor, reduzindo completamente a aberração cromática axial.

A EF 35mm f/1.4L II USM também apresenta a patente Canon Sub-Wavelength Structure Coating (SWC), aplicada sobre a superfície traseira dos primeiro e segundo elementos de lentes asféricas para ajudar a combater os reflexos causados por raios de luz que entram na lente com amplo ângulo de incidência.

A lente também oferece a melhor distância mínima de focagem da categoria, de 0,28 m, resultando em um aumento da magnificação máxima para 0,21x, ideal para capturar close-ups. A focagem automática é rápida e praticamente silenciosa devido a um sistema ótico traseiro e ao motor de foco USM da Canon.

Essa lente tem ainda característica de maior durabilidade em relação a sua antecessora. Tal como acontece com todas as lentes da série L, ela é altamente resistente à poeira e à água, tornando-a ideal para fotografia ao ar livre, mesmo em condições adversas.

O design de alta qualidade da lente oferece aos usuários uma sensação privilegiada, bem como ótima operacionalidade. Além disso, um revestimento de fluorite na superfície da lente dianteira e traseira ajuda a repelir os líquidos e as partículas de poeira, e faz com que a lente seja mais fácil de limpar.

Especificações técnicas:

  • A mais recém-desenvolvida lente grande angular da série L a apresentar o elemento ótico BR*, que produz imagens impressionantes e de alta qualidade, aumentado seu desempenho e reduzindo a aberração cromática.
  • Duas lentes asféricas e uma lente UD que ajudam a oferecer um alto nível de qualidade de imagem.
  • Durável e resistente mesmo para uso em ambientes e condições adversas, oferecendo confiabilidade e segurança.
  • Subwavelength Coating (SWC), um tipo de revestimento que reduz significativamente os efeitosghostingflare.
  • A menor distância mínima de foco da categoria, de apenas 0,28 m, e uma magnificação ampliada de 0,21x, o que ajuda a expandir as possibilidades de expressão, principalmente em fotografias macro.
  • Revestimento de fluorite sobre as superfícies frontal e traseira da lente que ajuda a reduzir manchas e impressões digitais.
  • Preço R$ 8.299,99

* Ótica de Espectro Refrativo Azul


Porto Art Fest – Um Exposição Coletiva

169 obras, 169 autores: uma só Árvore no Museu Nacional do Porto

A Cooperativa Árvore leva até ao Museu Nacional Soares dos Reis 169 obras originais dos seus associados! Uma exposição Coletiva que vai na sua XXIX edição e que este ano integra a Porto Art Fest.

Até 20 de setembro o Museu Nacional de Soares dos Reis acolhe a XXIX Exposição Coletiva dos Sócios da Árvore que reúne um conjunto de 169 obras originais – pintura, escultura, fotografia, cerâmica, tapeçaria, desenho, obra gráfica, entre outras.

Esta iniciativa que a Cooperativa Árvore promove todos os anos junto dos seus associados, convida à participação de todos os sócios criadores em todas as formas de expressão, reunindo artistas com percursos consagrados, como Albuquerque Mendes, José Rodrigues e Jorge Pinheiro, novos valores e amadores, afirmando a importância e a vitalidade de um coletivo que participa com alegria e empenhamento, manifestando ainda a sua solidariedade e tolerância.

Esta exposição é também uma homenagem e uma memória de todos aqueles que já não estando presentes fisicamente, marcam presença através da dádiva do seu talento ou a inesquecível liberdade de participação e apoio que partilharam sempre com a instituição e o seu projeto.

Este ano integra o programa do Porto Art Fest, o projecto de colaboração entre as duas instituições, Museu Nacional de Soares dos Reis e Árvore, que oferece um programa diversificado de iniciativas artísticas e culturais à cidade.
_______________________

Dados sobre a exposição:

De: 30 de julho e até 20 de setembro
Horário de abertura: terça a domingo, 10h – 18h30
Local: Museu Nacional Soares dos Reis, Porto

Nº de artistas: 169
Nº de obras expostas: 169 obras originais
11807710_946075512097132_4028626292477701644_o


Viagem Fotográfica com Zig Koch

Um convite do renomado fotógrafo brasileiro Zig Koch:

Olá, Convido você a conhecer lugares incríveis, aprimorando sua técnica fotográfica por meio de roteiros exclusivos desenvolvidos por mim. 

 Os grupos serão compostos por, no máximo, 10 pessoas, o que possibilitará o atendimento a cada um de forma personalizada. Será também uma oportunidade para fazer novas amizades e trocar experiências fotográficas. 

 Para 2015, oferecemos três grandes Vivências Fotográficas: Pantanal Sul, Jalapão e Chapada dos Veadeiros. Três locais maravilhosos, três biomas brasileiros, três viagens inesquecíveis. Três objetivos: fotografar, aprender, fazer novas amizades.

Entre em contato. Teremos o maior prazer em atendê-lo. A primeira Vivências Fotográficas será em maio para a Chapada dos Veadeiros.

Abraço,

Zig Koch
fb_veadeiros_zig_koch